da insônia

é dificil dormir. porque  é quando eu deito que a minha cabeça teima em pensar e repensar, e nem sempre isso é bom já que raramente se tem um dragão pra me fazer ver as coisas por outra ótica. mas é quando a gente tira a lente do sentimento que  as coisas ficam perversamente óbvias e é aí que eu sempre vejo como me dou demais a quem se dá de menos e colocando uma pedrinha de gelo no coração chegei naquele momento em que é preciso escolher entre eu e o mundo. escolher o mundo nesse momento significa me violentar ainda mais em favor de uma causa perdida e eu não tenho talento pra Dom Quixote. não, não está tudo bem se os dragões forem moinhos de vento, até porque no que me diz respeito dragão é um ser que eu adoraria ter guardadinho no meu bolso. ad infinitum.

simplificando: até um cachorro vira-latas uma hora cansa de ser chutado, por mais que ame seu dono e que faça gracinhas pra chamar a atenção pra si e assim, quem sabe, finalmente receber um pouco de carinho, por mais que esse cão seja um animal sem a tal dita consciência uma hora ele entende que não adianta pedir o que o dono não pode dar.

carinho e amor não se pede, não se implora. e o mais importante, ninguém consegue fingir por muito tempo o que não sente. eu sempre disse que o mal das pessoas é não saber mentir direito e nos últimos 12 meses eu vi gente se enrolando nas próprias pernas e por um sentimento que por muitas vezes me tirou o ar eu fingi que não percebia. por medo de perder.

eu só não sabia que tinha medo de perder o que não era meu.

e olha, a quem interessar possa: estou me libertando, assinei minha alforria. no que me diz respeito o sentimento não mudou. quem mudou fui eu.

p.s. agora vc não pode mais reclamar que eu não falo sobre mim, guto.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s