de tudo

de todas as coisas que se pensa e não se pode dizer porque não é adequado. uma vida inteira andando de cabeça baixa com os pensamentos presos e o coração na mão. uma vida inteira fora dos padrões porque os pensamentos não cabem onde nascem. e fogem. fogem pela boca, pelos olhos, pelos gestos. e se perdem na ausência de quem deveria ouví-los mas nunca está porque sempre tem alguma coisa mais importante a fazer.

das coisas que se sente e não se pode viver. porque você chegou tarde demais. e havia a promessa, mas ninguém ajustou o tempo pra ela acontecer na hora exata. delay para um coração partido. e o amor vazando pelas feridas que um dia, talvez, deixa o tempo, um dia irão cicatrizar. uma vida inteira esperando a hora certa que nunca chega porque quem você espera nunca vem porque sempre tem alguém mais interessante pra se conhecer.

das coisas que não se vive. porque não há vida possível.

Anúncios

3 comentários sobre “de tudo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s