(u)

_porque não dá pra ser forte o tempo inteiro, nem confiante, nem segura, nem bem humorada, nem divertida, nem compreensiva, nem paciente. porque não dá pra ser perfeita o tempo todo. eu te dou a minha mão e só de vez em quando eu preciso da sua. porque eu também erro, e não é ás vezes. eu te entendo e só de vez em quando eu preciso que você me entenda. porque eu também sinto medo, eu também não sei o que fazer ás vezes, e eu preciso saber que mesmo de vez em quando você vai me enxergar.

porque eu não sou o personagem que eu inventei pra me proteger. porque toda vez que eu tento ser eu mesma, caio na mesma velha armadilha: não sirvo. o que eu sou de verdade não serve, o que eu tento ser não se sustenta porque é só uma máscara que mesmo sendo bonita as vezes, sempre acaba caindo.

eu te dou a minha mão e só de vez em quando eu preciso da sua. pra me levar pra qualquer lugar que seja mais bonito ou mais calmo que eu, pra me dizer que eu não sou sozinha de novo. e.

Anúncios

espera

o abraço que falta, o telefone que não toca, o olhar que nunca acontece, o toque que sempre se perde no meio do gesto, a palavra que nunca é dita, a frase que sempre fica pela metade, o caminho que nunca tem fim,  o cheiro de quem nunca está, o sorriso que sempre fica nas entrelinhas, as promessas que nunca se cumprem, o tempo que não passa, o tempo que não volta.

olha

eu te preciso perto de mim porque o tocar o vazio quando estendo a mão é tão dolorido. te preciso por perto porque sinto tanta necessidade de saber de você, da sua vida, dos seus tantos porquês.

preciso dessa certeza frágil de que tudo está bem onde deveria estar, que nada vai mudar.

eu te preciso bem,  te preciso forte, pra eu ser forte também, te preciso sempre com esse pequeno sorriso que sempre me diz que sim, pra eu poder sorrir também. porque não sei de mim sem você.

friend

Eu sei que somos assim tão parecidos mas saber que tem você do outro lado sempre me acalma. Porque você nunca muda o tom de voz, e eu tenho inveja disso, e isso é tão bonitinho que você nem sabe. Do mesmo jeito que você tem de arrumar os óculos quando eles estão caindo e a sua sempre preguiça de cortar o cabelo. Tudo tão bonitinho em você e olha só, você nem sabe disso.

Eu sei que no fundo eu e você estamos sempre esperando alguma coisa que nunca chega mas olha só, no fim das contas e talvez na pior das hipóteses temos um ao outro. Mesmo que seja pra fazer o outro chorar ou fazer uma piadinha sem graça cheia de implicância boba que acaba sendo engraçadinha.

Eu sei que o tempo passa, já passou algum pra nós. Mas olha só, estamos aqui e mesmo depois de algumas tempestades me parece que vamos estar ainda por um bom tempo, e eu gosto de pensar isso, que lá na frente ainda vamos estar aqui, um implicando com o outro. Tomara que até lá a gente não precisa mais da ajuda um do outro pra chorar.

Eu sei que as vezes você gosta de pensar que tudo se resolve com chocolate e eu sempre vou rir disso, mas eu sei e você sabe também…  As coisas só se resolvem quando temos um amigo assim como você.  Pra implicar, pra chorar, pra rir e pra dividir sonhos . Vamos continuar sonhando juntos?

então

_e ter então a medida exata do seu abraço. que me faz saber que enfim a vida pode ser leve. e ter então a exata medida do que sempre faltou. de quando não havia essa vontade de viver. e agora saber que a espera vale a pena. que nada mais é em vão. que o riso agora é de verdade, enfim.

3001

_a noite é longa, tão longa quanto a avenida. e nós não temos pressa. mesmo que chova, mesmo que amanheça, não teremos pressa. porque chegamos aonde queríamos. e temos agora a medida exata do tempo que temos.  e agora enfim somos o que sempre fomos.  nós. atados. e não vai chover de novo.

_como te dizer todas essas coisas que  se perdem dentro de mim? queria te dizer, olha tudo bem. tudo bem ser inadequada, tudo bem  sentir saudade, tudo bem esperar, tudo bem entender. e queria que isso fosse verdade, que não doesse, queria não sentir, queria conseguir vestir a minha armadura de novo.

quando na verdade tudo o que se quer é tão pouco. queria que as promessas se cumprissem, todas elas. porque dói saber que não vai acontecer.

“modelo da estação passada, produto com validade vencida.”

queria esquecer isso, queria que não fosse verdade. queria que você gostasse de mim.