ontem

seu silêncio me dói. esse vazio triste das coisas que poderiam ter sido. esse peso da hora que perdemos. e os dias passam levando você pra longe, devagar, mas sempre te levando.

e no fim das contas sempre tem alguma coisa te levando pra longe de mim, alguém, outro lugar, a vida. talvez tenhamos mesmo ficado presos em algum momento que não devia ter passado, insanos, nos distraimos e perdemos a hora exata.

onde foi que nos perdemos? onde foi que fizemos a conversão errada?  será que existe um retorno que nos leve de volta pra onde tudo era simples e leve e tinha sempre aquela certeza que tudo estava bem?

seu silêncio me dói. dói com o peso das coisas que foram ditas. com a saudade das horas que não voltam. com o vão que as mão fazem por não te alcançar mais. com o medo de perder o pouco que resta.

 

Anúncios

Um comentário sobre “ontem

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s